Abono liberado, o que fazer com o dinheiro extra?

Por Dora Ramos

Até o dia 31 de agosto, os trabalhadores que não sacaram o valor referente ao Programa de Integração Social (PIS) e ao Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público (PASEP) do ano-base 2014 terão uma nova oportunidade de obter o dinheiro extra. Segundo o Ministério do Trabalho, mais de 1 milhão de pessoas deixaram de receber o benefício.

Já está liberado também o abono do ano-base 2015 para quem nasceu no mês de julho. Ou seja, tem gente que poderá acumular uma quantia ainda maior, caso tenha perdido o prazo do benefício correspondente a 2014.

Pelo fato de o recebimento já ser previsto, muitas pessoas acabam usando o dinheiro do PIS/PASEP para quitar dívidas. Mas isso não é recomendado. O ideal é utilizar a quantia para pagar à vista os gastos extras, como os presentes de Natal e amigo secreto. Outro uso indicado é com as viagens não programadas do fim de ano. Por mais que um pulo no interior ou litoral pareça inofensivo à saúde financeira, a gastronomia e o lazer normalmente tornam esse tipo de passeio custoso e um dinheiro a mais sempre é bem-vindo nessa época.

Caso o seu planejamento esteja bem afinado, de forma que já tenha poupado mensalmente os valores extras a serem desembolsados, parabéns! Poupe o dinheiro do abono para tirar aquele desejo antigo do papel, como um bem material ou curso que nunca foi possível realizar por falta de orçamento.

Mais sobre o abono salarial

Têm direito ao abono salarial os trabalhadores cadastrados nos programa PIS e PASEP há pelo menos cinco anos e que tenham recebido remuneração média de até dois salários mínimos durante o ano-base. O valor do benefício varia, pois é proporcional ao tempo trabalhado no ano em questão. O teto é de R$ 880, valor do salário mínimo vigente.

Pessoas que aniversariam de julho a dezembro recebem o abono até o último mês de 2016, já os nascidos entre janeiro e junho recebem no primeiro trimestre do próximo ano, sempre de acordo com a tabela oficial. Os trabalhadores de empresa privada devem consultar o site ou agência da Caixa Econômica Federal e os funcionários públicos podem se informar no Banco do Brasil.

O PIS/PASEP ano-base 2015 fica disponível para saque até 30 de junho de 2017.

85 views |
1 estrela2 estrelas3 estrelas4 estrelas5 estrelas (No Ratings Yet)
Loading...

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.